Na linda cidadezinha de Verona, aquela mesma dos enamorados Romeu e Julieta,  fica um dos mais bem conservados anfiteatros romanos do mundo, e que até hoje apresenta óperas de tirar o fôlego. Vem conhecer!

arena

Visitamos Verona em pleno verão, mais precisamente num 27 de agosto em que a temperatura ultrapassava a casa dos 40º, e um dos primeiros monumentos que encontramos na cidade foi a ARENA DI VERONA.

Saímos cedo de Veneza pela estação de trem Santa Lucia e depois de 01h10 de viagem estávamos desembarcando na estação Porta Nuova, em Verona.

De lá até o anfiteatro é uma caminhada de uns 20 minutinhos, mas pra quem quiser pegar um táxi, na saída da estação ferroviária vai encontrar muita opção. Alguns ônibus também te levam até lá, mas se quiser ir apreciando Verona, siga a pé pela Corso Porta Nuova sempre em frente: não tem erro!

 

I PORTONI DELLA BRÀ

É andando que você irá passar por debaixo do “Portoni della Brà”, um muro medieval, construído no reinado de Gian Galeazzo Visconti, com enormes arcos no estilo romano. Esse muro era o responsável por proteger Verona de invasores e servia como proteção pra toda a cidade.  Ainda há resquícios dele próximos à Corso e a Piazza Brà.

verona

A PIAZZA BRÀ

Depois de passar pelo PORTONI encontramos a Piazza Brà, a praça onde fica a Arena de Verona!

piazzabra

A ARENA DE VERONA 

arena

Difícil se ter a exatidão na data de sua construção, mas as pesquisas mais recentes dizem que ele não poderia ter sido construído após o século I, mas independente disso, o legal é que ele é um anfiteatro que ainda recebe  as mais importantes óperas do mundo, e um público que sempre o prestigia a cada apresentação.

Quando fomos passear por Verona, a peça que estava em cartaz era nada mais, nada menos que…

AIDA

…e pra quem não sabe, o meu primeiro nome é esse: AÍDA, que é uma das mais conhecidas óperas do italiano Giuseppe Verdi. Quem diria, né?

Bom,  quando entramos no interior do anfiteatro, encontramos o mesmo sendo preparado pra apresentação de AIDA, que seria encenada naquela noite. Que sensação.. uma experiência única!

Arena

arena

arena3

Sobre a ópera do meu nome…

 

A ópera ‘Aida’ foi composta por Verdi a pedido do vice-rei do Egito, que queria fazer uma homenagem à história de seu país durante as comemorações da inauguração do Canal de Suez. Para tanto, Verdi contou com a colaboração do egiptólogo Auguste Mariette e do libretista Camille Du Locle, baseando-se no trabalho original de Antonio Ghislanzoni.Infelizmente, a ópera não ficou pronta a tempo da inauguração do canal (o ‘Rigoletto’, também de Verdi, foi apresentado na ocasião), e só estreou dois anos depois, em 24 de dezembro de 1871, no Teatro de Ópera do Cairo.

Aida é uma história de amor entre o líder do exército egípcio, Radamés (indicado pelo sumo sacerdote Ramfis) e a bela princesa etíope Aida. Esta foi capturada e se tornou escrava de Amneris, a filha do faraó, também apaixonada por Radamés. Quando o exército etíope, liderado pelo rei Amonasro (pai de Aida), invade o Egito, a princesa escrava se vê em um dilema; quem ela deve apoiar, o pai ou seu amado Radamés? Uma ópera monumental, na qual a força dramática nasce da infrutífera luta do ser humano contra as forças do Estado e da Igreja.(Livraria Cultura)

Infelizmente não pudermos ficar pro espetáculo, pois não haveria trem de volta pra Veneza após o término da apresentação. Ficamos chateadas, principalmente quando soubemos que essas apresentações são anuais,  apenas cerca de quatro óperas entre Junho e Agosto, para o Festival Lírico Arenian.

Ah se a gente soubesse antes! Teríamos comprado os ingressos e procurado um hotelzinho em Verona pra passarmos a noite e aproveitarmos o espetáculo. Vai ficar pra próxima.

Mas OK, conseguimos fazer a visita ao interior da Arena, e foi espetacular. Sentar nos degraus daquela arquibancada, é voltar no tempo, e foi tão emocionante quanto nossa visita ao Coliseu. Por isso em Verona, não deixe de entrar e ver a Arena POR DENTRO. É uma oportunidade única!

 

DICA DO ROTEIROS

 E se estiver pensando em conhecer Verona entre os meses de junho a agosto, clica aqui e confere no site da Arena se haverá alguma ópera sendo apresentada na data do seu passeio!

Assistir uma encenação na Arena de Verona deve ser algo inimaginável e falamos isso porque, se só sentarmos ali pra observarmos o pessoal arrumando o cenário já foi arrebatador, imaginem assistir uma Aida, Madame Butterfly, Nabucco!

É pra se guardar na memória e no coração pelo resto da vida!

 

 

Planejar é viajar!
Roteiros & Dicas – Informações e ideias de roteiros, com dicas de viagem para os melhores destinos.

O que achou?